A Hialuronidase e o Ácido Hialurônico formam uma boa dupla. Isso porque, como sabemos, o Ácido Hialurônico é frequentemente utilizado em procedimentos estéticos que combatem o envelhecimento, e como em todo tratamento, podem ocorrer complicações e essas, normalmente, são resolvidas pela Hialuronidase.

O que é Hialuronidase e para o que ela serve?

A Hialuronidase é uma enzima que facilita a difusão de líquidos injetáveis. Ou seja: ela aumenta a velocidade de absorção. Além disso, também pode diminuir desconfortos da injeção de líquidos e aumentar a eficácia da anestesia local

O que é o Ácido Hialurônico?

Já mencionei algumas vezes as belezas do Ácido Hialurônico, mas para recapitular: o Ácido Hialurônico é uma substância do nosso próprio organismo utilizada em procedimentos estéticos de preenchimento, direcionados a tratar sinais do envelhecimento e recuperar o volume facial de forma minimamente invasiva, resultando em uma pele jovem com aspecto belo e natural. Você pode ver artigos que falo sobre o Ácido Hialurônico com mais detalhes aqui.

Como a Hialuronidase age com o Ácido Hialurônico?

A Hialuronidase despolimeriza irreversivelmente o gel de Ácido Hialurônico existente nos preenchedores geralmente usados no combate ao envelhecimento.

Quais cuidados devem ser tomados na aplicação da Hialuronidase?

Para ter maior visão sobre como a Hialuronidase e o Ácido Hialurônico funcionam juntos, estudei 5 tipos de Hialuronidase contra 5 tipos de Hialurônico, e, a partir disso, comecei a entender melhor o comportamento, potência e inflamação dos mesmos.

A conclusão do estudo me mostrou que a Hialuronidase pode ser usada com segurança. A partir de certa dose, com menos de 300U, o processo inflamatório causado já aumenta exponencialmente. Se o paciente tem algum antecedente de alergias, asma, dermatite atópica ou urticária, deve ser mantido em observação por 2 horas para antecipar e tratar qualquer reação alérgica (raramente ocorre do paciente ter alguma reação alérgica).

As doses usadas para corrigir sobre correções de Ácido Hialurônico, especialmente ao redor dos olhos, devem ser doses pequenas e sempre de acordo com seu médico. Se, por alguma razão, quiser dissolver todo o produto, a dose varia de acordo com o produto que será utilizado, pois as características de cada produto variam entre um e outro.

Hialuronidase e o Ácido Hialurônico Humano

Uma pergunta comum é: o hialurónico natural que temos também se dissolve?

R: Temporariamente há uma quebra de algumas partículas, mas em 48hs já estão de volta ao normal. Clinicamente falando, não se vê nenhum efeito importante na aparência da pele depois da injeção da mesma.

Não existe nenhuma evidência que esta forma de utilização gera a perda do Ácido Hialurônico humano, já que o mesmo é reposto em até 2 dias.

Lembre-se de, antes de se submeter a um procedimento Dermatológico, pesquisar um especialista com um bom histórico e registrado na Sociedade Brasileira de Dermatologia. =)